Criamos uma geração de órfãos, órfãos de valores!

 

O que acontece com os nossos jovens?

A grande verdade é que novas gerações sempre parecem ser mais rebeldes e complexas do que gerações anteriores, afinal eles têm toda a vontade do mundo, mas ainda falta-lhes experiência… E como sempre os tempos mudam, as coisas evoluem, atualizam-se e certas

coisas realmente causam certo estranhamento em relação a tudo que vivenciamos em nossa época.

Mas uma diferença é perceptível, cada vez mais os nossos jovens são carentes de valores, ou algo se inverteu ou alguns valores perderam-se, e onde estávamos enquanto isso acontecia?

O fato é que criamos uma geração de órfãos! Não de pais, mas de valores, somos uma geração de adultos reféns do consumismo, que sem perceber desde o inicio tentamos compensar a nossa ausência com valores supérfluos, não somos mais tão capazes de conquistar o amor de nossos filhos, não temos mais tempo para isso, por isso os compramos, e substituímos de forma precoce valores afetivos por valores materiais, tudo isso sem medirmos consequências.

E logo eles mudaram, aprenderam rápido, criaram novos interesses, aprenderam a se realizar de outras formas, o simples passou a ser desprezado!

E nunca mais vimos um moleque apertar uma campainha e sair correndo, nem lascar a ponta do dedão na guia da calçada… Eles trataram de pular essa fase, estão ocupados e preocupados com outras coisas!

Agora a moda é aos “12 anos” ter um celular de ultima geração e ficar na roda de amigos ouvindo funk ostentação, e cadê as pipas, bolinhas de gude e o famoso pião?
Os conceitos são outros, os desejos são novos, mudaram a situação, trocaram a simplicidade do kichute pelo Adidas de 1 barão, e os pais desesperados em não traumatiza-los, acompanham e absorvem todas as mudanças e abarrotam seus filhos com coisas altos valores e deixam passar abatido a lição de valores!

O fato é que em algum ponto nós erramos! Nós também fomos corrompidos pelo consumismo, fazemos parte de uma geração motivada por valores materiais, e nos esquecemos ou não tivemos tempo e a mesma paciência de repassar certas coisas que recebemos de nossos pais e avós, talvez por isso nossas novas gerações estejam cada vez mais órfãs, órfãs de valores!

5 comentários em “Criamos uma geração de órfãos, órfãos de valores!

  1. Não concordo. Dos jovens que convivo, incluindo meus filhos, vejo que existe é incompetência e falta de iniciativa(para não chamar de vagabundo e burro, aí ofender o quadrúpede), principalmente os que tem o que é necessário dentro de casa.

    Vejo que os homens “modernos”(menos de 30 anos) não sabem nada de nada. Não sabem trocar uma lâmpada ou um chuveiro, não sabem olhar a agua e óleo do carro que usa, trocar pneu então, só se fizer um curso(pago pelo pai), a palavra CAVALHEIRO não existe no dicionário deles. Na casa que mora é obrigação dos pais dar de comer, educar, lavar e passar.., afinal, o traste não pediu para nascer. E o principal defeito desses jovens-merdas que eu vejo, é a falta de educação e caráter. Enquanto as mulheres estão se adaptando aos homens “modernos” e, se virando em tudo, estes ainda não entenderam o buraco que estão se enfiando.

    Ah, sem contar que tudo que for preciso, o google ensina.

    Na duvida, não tenha filhos ou tenha um só depois dos 40 anos de idade.

    1. Não concordar é um direito seu, mas como você disse na sua resposta, há casos em que faltam educação e caráter. Uma vez que também somos responsáveis pela formação das novas gerações… Pode ser que também contribuímos de alguma forma para o modelo que temos hoje.

Deixe uma resposta